LAVA-JATO- PF amanheceu na rua e prende mais gente "suspeito de receber pelo menos R$ 1,6 milhão em propina"

Por; Rosinaldo Pereira /colunista

LAVA-JATO-  PF amanheceu na rua e prende mais gente "suspeito de receber pelo menos R$ 1,6 milhão em propina"


POLÍTICA

Agentes da Polícia Federal (PF) prenderam na manhã desta quinta-feira o ex-secretário da Casa Civil Régis Fichtner — suspeito de receber pelo menos R$ 1,6 milhão em propina — e o empresário Georges Sadala Rihan.



Segundo o site brasil247 a PF também foi à casa do empresário Alexandre Accioly, dono da rede de academias Body Tech, onde faz busca e apreensão. Accioly também foi intimado a depor.

VEJA; 

JUSTIÇA PEDE BLOQUEIO DE 6 MILHÕES  DE "Garotinho e Rosinha Garotinho"


Há mandados de prisão contra os engenheiros Maciste Granha de Mello Filho e Henrique Alberto Santos Ribeiro, acusados de favorecimento no esquema de distribuição de propinas do ex-governador Sérgio Cabral, de acordo com a contabilidade paralela de Luiz Carlos Bezerra, réu confesso, condenado e solto. O empreiteiro Fernando Cavendish, ex-dono da Delta Engenharia que cumpre prisão domiciliar, é alvo de condução coercitiva e será levado para depor.


Continue lendo....