Publicidade
Rússia ameaça bloquear Facebook, YouTube e Twitter por ‘censurar’ a mídia estatal


 



A Rússia pode bloquear o YouTube e outras grandes plataformas de mídia social dos Estados Unidos por “censurar” conteúdo da mídia estatal russa, de acordo com o projeto de lei apresentado ao parlamento na quinta-feira.


O projeto de lei explica que a Procuradoria-Geral da República e o Ministério das Relações Exteriores seriam capazes de identificar as plataformas estrangeiras que consideram violadoras dos direitos dos russos ao restringir o conteúdo. 

A nota do projeto de lei destaca YouTube, Facebook e Twitter por terem “censurado” as contas de veículos de notícias estatais russos, incluindo RT, RIA Novosti e Crimea 24 desde abril.

--
O Facebook e o Twitter começaram a rotular contas de mídia afiliadas ao estado neste verão, meses depois que o YouTube da Alphabet lançou rótulos semelhantes. 


Desde abril, as empresas de mídia russas reclamam que Twitter, Facebook e YouTube estão censurando suas contas, disseram os patrocinadores da medida em documentos apresentados com o projeto de lei . Os meios de comunicação apoiados pelo estado, incluindo a RT, criticaram o que eles chamam de censura por plataformas dos EUA, que dizem que as medidas são parte dos esforços para combater a desinformação.

“Ações discriminatórias contra clientes russos desses serviços ocorreram”, disse o porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov, em uma teleconferência quando questionado sobre a iniciativa. “Isso deve ser combatido.” Mas ele evitou endossar restrições ao acesso, dizendo que as sanções apropriadas seriam determinadas no processo legislativo.

--


“ A urgência na adoção do projeto de lei”, diz uma tradução da Reuters da nota explicativa, “deve-se a numerosos casos de restrição injustificada do acesso de cidadãos russos à informação na mídia russa. ”

O Kremlin disse que um mecanismo é necessário para conter a discriminação percebida de conteúdo russo, mas parou antes de endossar as restrições. 

“ Ações discriminatórias contra clientes russos desses serviços ocorreram” , disse o porta-voz Dmitry Peskov repórteres, de acordo com a Bloomberg.


Anúncio



AGORA DEPENDEMOS DE VOCÊ PARA CONTINUARMOS NO AR


O jornalismo em que você confia, conservador, depende de você. Colabore com a independência do JORNAL 21 BRASIL doando qualquer valor; "Doar é uma pratica que requer desapego.

Quero doar 10:


Quero doar 20:


Quero doar 30:

DEIXE SUA OPINIÃO:

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem

Naõ confie no Facebook. Compartilhe e alcance mais pessoas;



Anúncio
Postagem Anterior Próxima Postagem

Anúncio



Anúncio Anúncio
--------------------------------------