A MELHOR DA SEMANA

A renúncia de Toffoli e Moraes já é assunto do dia

Fernando Gabeira diz que Dias Toffoli e Alexandre de Moraes deveriam renunciar: “O Supremo pulou a cerca. Fragilizou o jogo democrátic...

para que serve um prefeito?

(Sem Deus não há vida, sem família não há base para nada...)

Por; Rosinaldo Pereira /colunista
       
A cada quatro anos no Brasil, em um domingo do mês de Outubro, um evento tem se repetido: os brasileiros vão às urnas escolher novos chefes para o poder executivo de seus municípios. 
Assim como votar para presidente, governador e deputados, eleger um prefeito para o mandato de quatro anos é algo de extrema importância e, ao mesmo tempo, de responsabilidade por parte de cada eleitor, pois o futuro da cidade estará nas mãos de quem vencer. 

 Dessa forma, vale a pena refletirmos um pouco sobre as atribuições e funções da figura política do prefeito municipal, e aqui em são tomé não vai nada bem, a gestão municipal estar sem rumo e sem prumo,igualmente a coelho perdido no mato.

A elaboração de políticas públicas para saúde, educação, habitação, entre outros fatores pertinentes ao bem-estar e qualidade de vida dos municípios estão entre suas ações. 
Como representante do poder executivo, é o prefeito quem encabeça a administração da cidade, empreendendo a gestão da coisa pública,e quando isso não ocorre com o esperado todo mundo fica á vê navios, do controle do erário ao planejamento e concretização de obras, sejam elas em termos de construção civil ou da área social.

Logo, pode parecer redundante aqui em são tomé, mas é preciso frisar a ideia de que o poder executivo é de fato aquele quem executa, ou seja não adianta dizer para o povo quando um funcionário errar de fato quem errou foi o prefeito,ele coloca em prática um conjunto de intenções do governo, realiza determinada obra, projeto, programa ou política pública. 
Além disso, cabe ao prefeito não apenas sancionar as leis aprovadas em votação pela câmara,então; não pode haver erros pois em são tomé a maioria dos vereadores estão com o prefeito 'BABÁ', mas tanto vetar quanto elaborar propostas de leis quando achar necessário,
Contudo, o prefeito não governa sozinho, e por isso depende de apoio político da câmara municipal, assim como de outras esferas governamentais, ou seja, do governo estadual e federal.

visite a ; web radio viva vida  no PC

no CEL; web radio viva vida


-Deixe sua opinião, você é importante! -A esquerda quer nos calar! não deixe que isso aconteça, curta nossa página...



Deixe seu comentário aqui!

  • APÓS COMENTAR, VOLTE PARA CAPA
  • Continue lendo....