Jesus




“Foi um acidente inevitável”, diz advogado do motorista do ônibus que capotou em São Pedro após colisão com motocicleta


Por; Rosinaldo Pereira /colunista

quarta-feira, 3 de maio de 2017


Segundo o site https://spp-noticias.blogspot.com.br que  Na manhã desta terça (02), o Sr. José Orlando de Oliveira Augusto, popularmente conhecido por Ninho, que dirigia o ônibus que se envolveu em um acidente próximo a cidade de São Pedro neste último domingo (30), se apresentou e depôs perante a autoridade policial na Delegacia Regional de Polícia Civil de São Paulo do Potengi/RN.

O acidente aconteceu na manhã deste domingo (30) em São Pedro/RN, quando o ônibus, que foi fretado para um passeio, havia acabado de sair de São Paulo do Potengi com destino à Lagoa de Boa Água, em Nísia Floresta. Na ocasião cerca de 40 pessoas ficaram feridas, entre elas uma grávida e várias crianças, segundo matéria veiculada pelo G1. Além das pessoas feridas, um homem que pilotava uma motocicleta morreu após a colisão.

Segundo o depoimento do Sr. José Orlando prestado perante a autoridade policial, “o motociclista vinha perdendo o controle da moto em que estava” e que “diante disso reduziu a velocidade do veículo em que dirigia, contudo, o motociclista perdeu o controle da moto e veio a cair, exatamente na faixa contrária, faixa esta em que vinha o ônibus. Não teve como fazer nada, apesar de vir a apenas 60 km/h. Após passar por cima do motociclista, o ônibus que guiava saiu de seu controle e acabou deitado na ribanceira, tendo ficado com as rodas para cima”, afirma o motorista do ônibus.

Embora diante de uma situação de extrema tensão, o motorista afirmou também que “imediatamente desceu do ônibus e foi tentar socorrer o motociclista, porém percebeu que este já estava morto” e “que então retornou para o ônibus e começou a auxiliar as pessoas a saírem de dentro do veículo”.

Renato Faria, advogado do motorista do ônibus que capotou em São Pedro/RN após colisão com motocicleta.
O advogado do motorista do ônibus envolvido na colisão, Renato Faria, falou com a impressa local: “o Sr. José Orlando veio espontaneamente perante a autoridade policial esclarecer todo o ocorrido e contribuir com a justiça”.

Perguntado sobre uma possível responsabilização criminal do motorista do ônibus pela morte do motociclista, o advogado afirmou que: “não houve qualquer conduta criminosa por parte do meu cliente, o que houve foi um acidente inevitável. O Sr. José Orlando dirigia em uma velocidade compatível e possuía todos os requisitos para estar dirigindo o ônibus. Lamentavelmente o condutor da motocicleta perdeu o controle e caiu na faixa contrária no exato momento em que o ônibus passava. Só restou prestar socorro aos feridos, evitando outros óbitos”.






Black Friday vem aí... Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

As mais lidas da semana

VOCÊ VIU?

Rosinaldo Pereira
  • tudo está aqui!
  •  
    JORNAL 21 BRASIL.
    jornal do brasil, jornal 21, notícias de Bolsonaro, política do brasil, Jornalismo livre, a tragetoria de Sergio Moro, notícias do brasil, notícias de Sergio Moro, notícias de lula, lula preso, lula na cadeia, operação lava-jato
  • ""JORNALISMO LIVRE""



  • ""O SEU JORNAL DIGITAL 24 HORAS POR DIA, 7 DIAS POR SEMANA. ""