BOMBA! Sem lugar na Esplanada, Magno Malta abandona política com muita tristeza

Por; Rosinaldo Pereira /colunista




Jair Bolsonaro disse que as portas do governo ainda estão abertas para Magno Malta participar do governo, mas não no comando de algum ministério, como pretendia o senador.

“As portas estão abertas para ele. A questão de um possível mistério não achamos adequado no momento. Agora pode estar do meu lado sim, nunca foi fechada as portas para ele”, disse o presidente eleito em entrevista no CCBB.




Sem lugar na Esplanada, Malta disse que agora pretende retomar a carreira de cantor gospel e dar palestras pelo país, indicando que deixará a vida política.

-O futuro ex-senador Magno Malta diz que vai se dedicar à carreira de cantor gospel e dar palestras pelo Brasil.




Vou viajar o país inteiro. Fazer palestra. Tenho uma luta contra abuso de criança, pedofilia, minha marca está aí. Vou continuar fazendo palestra, cantando. Tenho 41 anos de carreira. Tenho 28 CDs gravados. Vivi sempre da minha música”.




O político se isolou em um sítio da família, cercado apenas de pessoas próximas, com celular fora de área. O senador declarou que não pretende mais participar da vida política, apesar de ainda torcer por Bolsonaro e o considerar um amigo. As informações são do site The Intercept Brasil, que entrevistou o senador.

O político também não escondeu a amargura na entrevista: “Você vê muita gente que falava mal dele, não pedia voto, e agora tá aí, se aproximando”. “A autoridade é dele, ele é o presidente deste país. A amizade não vai acabar porque durante dois meses da eleição eu achava que ia ser ministro e eu não fui ministro.”





-Vou perguntar; Porque Bolsonaro não nomeou Magno Malta como ministro?

Continue lendo....