STJ libera homem preso com fuzil AR-15, porque foi levado pela PM sem camisa

Por; Rosinaldo Pereira /colunista


O presidente do Superior Tribunal de Justiça, João Otávio de Noronha, mandou soltar um homem preso no dia 19 por posse ilegal de um fuzil AR-15 encontrado numa casa em Florianópolis.



Ele chegou a ser solto na audiência de custódia, realizada após a prisão, porque foi levado pela PM sem camisa.

No TJ-SC, a prisão foi novamente decretada, mas Noronha derrubou a decisão por questões processuais.



Considerou que, ao pedir novamente a prisão, o Ministério Público deveria ter recorrido à primeira instância.

-O STJ também é uma vergonha.


Continue lendo....