Publicidade
Na contramão da governadora Fátima (PT), que rejeitou R$ 2 milhões, prefeito de Natal solicitou ao governo Federal escola cívico-militar na Capital




Na contramão da governadora Fátima Bezerra, que rejeitou recursos da ordem de R$ 2 milhões para a instalação de escola cívico-militares no Rio Grande do Norte, o prefeito Álvaro Dias foi até Brasília, onde esteve no Gabinete Civil da Presidência da República, solicitando o apoio governamental para instalar uma unidade no bairro de Felipe Camarão.



O prefeito destaca que o bairro apresenta índices preocupantes de violência e que a instalação de uma escola cívico-militar no bairro pode ajudar a melhorar a realidade social do seu entorno. Como o ministro General Ramos está viajando, o prefeito foi recebido pela secretária adjunta de Governo, Patrícia Brito, que recebeu a documentação de solicitação da Escola.

Portal Grande Ponto

AGORA DEPENDEMOS DE VOCÊ PARA CONTINUARMOS NO AR


O jornalismo em que você confia, conservador, depende de você. Colabore com a independência do DENÚNCIA POLÍTICA doando qualquer valor; "Doar é uma pratica que requer desapego.

Quero doar 10:


Quero doar 20:


Quero doar 30:

DEIXE SUA OPINIÃO:

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem

Postagem Anterior Próxima Postagem

Anúncio

Anúncio

----

Anúncio




Anúncio