Folha persegue pessoas leais ao governo e ao presidente Bolsonaro, afirma Fábio Wajngarten | JORNAL 21 BRASIL

Folha persegue pessoas leais ao governo e ao presidente Bolsonaro, afirma Fábio Wajngarten

A Folha persegue pessoas leais ao governo e ao presidente Bolsonaro”, afirma Fábio Wajngarten Em entrevista concedida com exclusivida...


A Folha persegue pessoas leais ao governo e ao presidente Bolsonaro”, afirma Fábio Wajngarten


Em entrevista concedida com exclusividade à reportagem do Jornal BSM, o secretário de Comunicação do Governo Federal, Fábio Wajngarten, rechaçou acusações publicadas pela Folha de S. Paulo. Em matéria veiculada na última quarta (15), o jornal paulistano indicou supostas irregularidades e benefícios financeiros recebidos pelo secretário por meio da empresa da qual foi sócio majoritário até assumir a Secom, a FW Comunicação e Marketing.

Questionado sobre o teor da reportagem, Wajngarten se defendeu das acusações, alegou estar sendo alvo de uma campanha difamatória por parte da Folha e explicou os procedimentos requeridos para se adequar aos parâmetros das exigências da nomeação para a Secretaria de Comunicação. 

Advogado e pós-graduado com MBA na Escola Superior de Propaganda e Marketing, Fábio tem realizado na Secom uma gestão marcada por reformas. Entre as principais mudanças promovidas pelo secretário, estão cortes de gastos e melhor distribuição de verbas concedidas a veículos de comunicação, especialmente grandes emissoras de TV.

No entanto, o secretário tem sido criticado por diversos setores da imprensa por supostamente estar favorecendo emissoras “amigas” do presidente Bolsonaro. Wajngarten nega que haja tal favorecimento. 

“A reportagem é absolutamente absurda, injusta e conspiratória. A Folha persegue pessoas leais ao governo e ao presidente Bolsonaro”, afirmou. 

Fábio criou a sua empresa em 1999 e de lá para cá colheu uma carreira de sucesso, com destaque para várias inovações na medição da audiência criada por ele. 

Na entrevista, o secretário falou sobre as ações que tem realizado na pasta e enfatizou o equilíbrio nos gastos que sua gestão está realizando na Secom.

“Escutamos elogios da seriedade dos trabalhos da Secom de vários integrantes do poder público e também de empresas de comunicação. Estamos formatando a Secretaria, modernizando os procedimentos, fiscalizando os erros, otimizando as negociações de mídia, reduzindo concentrações e eliminando gastos desnecessários”, afirmou.



Nomeação para a Secretaria de Comunicação

Wajngarten explicou os trâmites que precisou atender para ser nomeado para a Secretaria de Comunicação do Governo Federal. Segundo ele, foi exigido desligamento da posição de gestor da sua empresa. 

“A ordem de atitudes, de processos jurídicos que eu precisava fazer, o que me foi colocado por escrito, à época da nomeação, era: sair da posição de gestor de todas as empresas. E foi o que eu fiz. Contratei um escritório de direito societário, que refez os contratos sociais, conforme reza a lei.” 

Sobre as exigências impostas para a nomeação, o secretário relatou que em momento algum deixou de cumprir os requerimentos necessários para a sua nomeação e subsequente posse no cargo. 

Perguntado sobre a afirmação de deter a maior parte da cota da FW Comunicação, Wajngarten afirmou que não há problema algum em possuir participação na empresa, além de ter explicado que não houve nenhuma exigência para que ele abandonasse a participação na empresa.

“Quando da nomeação, a orientação recebida pelo Governo Federal foi de saída do quadro de gestão da empresa, o que fiz imediatamente. O que habilita a nomeação é sair do quadro administrativo, e assim procedi. Se tivessem falado ‘abandone a sua participação’, eu abandonaria. Não há problema nenhum. Estou aqui para servir”, afirmou.

Os contratos assinados com a FW Comunicação são anteriores à nomeação de Wajngarten. Desde quando assumiu a Secom, em abril de 2019, não houve nenhum novo contrato firmado. 

“Durante a minha gestão, desde abril, eu não licitei nenhum contrato com as agências mencionadas [na reportagem] da Folha”, afirmou.  


Participação em cotas de empresas não impede nomeação

Juristas consultados pela reportagem do Jornal BSM confirmaram que não há irregularidades na nomeação de Wajngarten. Não é vedado ao funcionário público deter quotas ou ações em empresas. O impedimento, nesses casos, é apenas para ministros, a depender, também, de um possível conflito de interesses entre a empresa e o ocupante do cargo.

“O cargo ocupado por Wajngarten não possui gestão de pessoas, a exemplo de um Ministério. Portanto, nesse caso, ele pode continuar com seu cargo, uma vez que ele não determina a nomeação de ninguém para integrar a máquina pública federal. Caso ele se torne ministro, fica proibido de uma série de coisas, e possuir cotas na iniciativa privada é uma delas, mas esse não é o caso do Wajngarten”, afirmou um dos juristas, que preferiu não se identificar.

Outro jurista destacou que cabe à Comissão de Ética da Presidência determinar se a nomeação de uma pessoa que possui cotas em determinada empresa pode gerar conflito de interesses. No caso Wajngarten, foi comprovado que não houve nenhuma mudança nos contratos da sua empresa após a posse na Secom.

“Se a Comissão de Ética verificar que há conflito de interesses no ocupante do cargo com as suas participações em determinadas empresas, haveria a possibilidade de a nomeação ser vetada, e certamente a Comissão não detectou essa ocorrência”, afirmou. “Wajngarten se encaixa em sócio-quotista da empresa, ele não tem nenhum poder administrativo das suas empresas. Por ter participado do capital necessário para a construção da empresa, ele tem direito aos lucros, porém não tem poder algum sobre a parte administrativa”, completou.

Vale destacar que os contratos das emissoras com a FW Comunicação, outrora pertencente a Wajngarten, são anteriores à sua nomeação na Secom e não tiveram qualquer modificação nos últimos oito meses – período em que Fábio está no cargo.

Fonte: Brasil sem medo 

Anúncio

DEIXE SUA OPINIÃO:

"Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem"







Sua contribuição pode manter o jornal conservador no AR

O jornalismo em que você confia, conservador, depende de você. Colabore com a independência do Jornal 21 Brasil doando qualquer valor; "Doar é uma pratica que requer desapego. O olhar volta-se para o outro e não para sim mesmo. As pessoas que tem facilidade de doar alegram-se duplamente. Sentem alegria pelo ato de presentear e também por ver a alegria de quem recebe". Porque amar também é isso. "Não recebemos dinheiro do Governo" dependemos de doação.

Quero ser apoiado do site com R$ 10

Quero apoiar com R$ 20

Quero apoiar com R$ 50



Priorize nosso jornalismo. Tudo sobre o governo você ver aqui; "Jornal 21 Brasil"



TENDÊNCIA$type=blogging$cate=2$count=4



Postagem em destaque

Bolsonaro se revolta com João Doria (vídeo)

O presidente Jair Bolsonaro nesta terça-feira (27), disse verdades a apoiadores em frente ao Alvorada sobre o Governador de São Paulo, João ...

Pátria amada Brasil até morrer!
Grupo Público · 57.222 membros
Participar do grupo
Temos total liberdade de apoiarmos a direita encabeçada por Jair Bolsonaro. junte-se a nós.

PELA WEB








Nome

A carreira de Moro é marcada pela sua competência,3,A emocionante Carta de um médico a Jair Bolsonaro,1,a queda do governo Temer,4,a rede da família,1,A TRAJETÓRIA DE MORO,12,A VICE PRESIDENTE DE BOLSONARO,12,Aécio Neves preso,1,afastamento de Gilmar mendes,2,animais,10,aposentadoria de dilma é fraude,2,artigo,63,Artigos,2,atentado a bolsonaro,3,aumento da gasolina sem dó,1,autor de ‘tomataço’ contra Gilmar,1,Boletim Coppolla,4,Bretas em um tribunal superior,1,caminhoneiros pedem intervenção militar,1,campanha fora de tempo,1,casação de gilmar mendes,1,caso Adélio,5,CENSURA NÃO,1,ciencia e tecnologia,24,cime eleitoral de lula,2,coluna do Rosinaldo Pereira,12,Condenação antes das eleições,1,coreia do norte em guerra,2,Coronavírus,25,CPI contra a lava jato,9,Crise na Venezuela,1,Crônica Política,1,delação de palocci,1,Delação de Palocci explode o PT,1,desabastecimento de supermercados e combustíveis levará o povo às ruas,1,DILMA; criticou o poder judiciário e disse; querem tirar lula porque não tem candidato,1,dinheiro na net,2,dinheiro recuperado da lava jato,1,doação,2,Economia,11,Editorial,2,ela se deu bem ao casar comigo,1,esporte brasil,5,estudo biblico,15,EUA x IRÃ,14,EUA x Venezuela,19,Facebook fora do ar no Brasil,1,greve de caminhoneiro,23,GREVE DE FUNCIONÁRIO DA PETROBRAS,3,guerra na coreia,4,guerras,4,Helison Brito,63,igreja perseguida,5,imoralidade aos olhos do povo,1,Impeachment de Gilmar Mendes,58,impeachment de Lewandowski,11,Impeachment de Toffoli,32,ino nacional,1,internacional,222,iscrição no PSL,1,israel,6,jair,2,jair bolsonaro o mito,270,Jornal 21 Brasil,4,Jovem Advogado em casos na Lava Jato,1,JUIZ SERGIO MORO TEM UM ENCONTRO COM CRISTO,1,Kim Jong-un lança BOMBA H,1,lava jato ameaçada,2,lava-jato é prorrogada por mais um ano,1,lava-jato em são paulo,1,lula com piolho,1,lula em palanque,2,lula na cadeia,406,LULA PODE SER SOLTO,1,lula preso,37,LULA RECEBEU 4 MILHÕES EM PROPINA diz Odebrecht a Moro,1,Magno Malta abandona política,1,malas de dinheiro,1,Marcelo Bretas,1,Mega da virada 2018,1,meninos presos em caverna na Tailândia,5,Mídia,99,MORO foi condenado por juristas do PT.,1,MORO; Não existe crime mais sério que a corrupção,2,mudanças no programa bolsa família,1,mundo cristão,86,Nets Book é 100% de direita,1,notícia do RN,93,noticia em destaque,423,noticias de Dilma Rousseff,6,noticias de lula,117,noticias de sergio moro,266,noticias do brasil,61,novo atentado a bolsonaro,1,o fim da greve dos CAMINHONEIROS em são paulo,1,o fim da lava-jato,6,O supremo é uma vergonha,1,O voto de Alexandre de Moraes,1,para familia,93,partido de Bolsonaro,1,Petroleiros convocam greve por redução dos preços dos combustíveis,3,Poder,143,politica,302,politica do brasil,4033,Política em destaque,16,Porque Gilmar Mendes não foi preso,1,posse de Bolsonaro,1,primeira-dama Michelle Bolsonaro,2,processo contra coronel Ustra por tortura,1,provoca terremoto de 6.3 e faz prédios tremerem na Rússia e China,1,Rachel Sheherazade,1,radio gospel,3,receitas caseira,3,REDE SOCIAL VIVA VIDA,1,salario de Dilma Rousseff,1,são tome RN,23,saúde,4,SERGIO MORO FOI AMEAÇADO,24,Sergio Moro no STF,1,sorrindo na carteira de habilitação,1,TEMER NÃO TEM PALAVRA,1,um juiz a frente do tempo,1,um nó no governo,1,usina explode,1,Venezuela e EUA,1,Vídeo Clube Animal,8,
ltr
item
JORNAL 21 BRASIL : Folha persegue pessoas leais ao governo e ao presidente Bolsonaro, afirma Fábio Wajngarten
Folha persegue pessoas leais ao governo e ao presidente Bolsonaro, afirma Fábio Wajngarten
https://www.bomjesusdalapanoticias.com.br/wp-content/uploads/2019/11/bolsonaro-folha-1280x640.png
JORNAL 21 BRASIL
https://www.jornal21brasil.com.br/2020/01/folha-persegue-pessoas-leais-ao-governo.html
https://www.jornal21brasil.com.br/
https://www.jornal21brasil.com.br/
https://www.jornal21brasil.com.br/2020/01/folha-persegue-pessoas-leais-ao-governo.html
true
8337750848979526519
UTF-8
Loaded All Posts Not found any posts VIEW ALL Readmore Reply Cancel reply Delete By Home PAGES POSTS View All RECOMENDADO PARA VOCÊ LABEL ARCHIVE SEARCH ALL POSTS Not found any post match with your request Back Home Sunday Monday Tuesday Wednesday Thursday Friday Saturday Sun Mon Tue Wed Thu Fri Sat January February March April May June July August September October November December Jan Feb Mar Apr May Jun Jul Aug Sep Oct Nov Dec just now 1 minute ago $$1$$ minutes ago 1 hour ago $$1$$ hours ago Yesterday $$1$$ days ago $$1$$ weeks ago more than 5 weeks ago Followers Follow THIS CONTENT IS PREMIUM Please share to unlock Copy All Code Select All Code All codes were copied to your clipboard Can not copy the codes / texts, please press [CTRL]+[C] (or CMD+C with Mac) to copy