Anúncio
100% digtal
Publicidade

Anúncio

DESTAQUE DA SEMANA

DORIA NÃO FALOU PARA O POVO QUE FALTA INSUMOS NA CHINA; COMEÇOU O ALVOROÇO, PALANQUE ELEITORAL

  Está faltando a verdade...  A Covishield, versão indiana do imunizante da AstraZeneca, não chegou e o lote do Butantan é limitado. Faltam ...

Talvez você tenha perdido

Continuar depois da publicidade

Secretários de Estados, reuniram com Bolsonaro para tirar Segurança das mãos de Moro




Atualizado; 23/01 -

Com a palavra, o presidente Jair Bolsonaro;

“Se for criado, aí ele fica na Justiça. É o que era inicialmente. Tanto é que, quando ele foi convidado, não existia ainda essa modulação de fundir com o Ministério da Segurança.”
“Isso é estudado. Estudado com o Moro. Lógico que o Moro deve ser contra, mas estudado com os demais ministros. O Rodrigo Maia é favorável à criação da Segurança. Acredito que a Comissão de Segurança Pública também seja favorável. Temos que ver como se comporta esse setor da sociedade para melhor decidir.”

Um golpe em andamento pode tirar Segurança das mãos de Moro.

Secretários de Segurança Pública de todo o País estiveram reunidos nesta quarta, 21, com o presidente Jair Bolsonaro. O impressionante é que eles pediram a recriação do Ministério da Segurança Pública, hoje hospedada junto com a Justiça sob o comando do ministro Sérgio Moro. 

O golpe está muito claro, Sergio Moro não foi convidado para o encontro. 

O argumento apresentado ao presidente foi o de que é preciso ter um canal direto com o Governo Federal. Os governadores acusam que Moro só olha para o próprio umbigo. Bolsonaro ficou de estudar o assunto, mas nada deve acontecer, Sergio Moro vai muito bem.

Moro tem números a seu favor e contra resultados não há argumentos.