Publicidade
Bolsonaro usa tática militar para descobrir quem dos seus ministros e auxiliares vazam informações para jornalistas






O presidente Jair Bolsonaro está de fato usando uma tática militar para descobrir quem dos seus auxiliares estão vazando informações a jornalistas principalmente de sites e jornais com perfil esquerdista, diz a Crusoé.

Como já falamos mais cedo, Jair Bolsonaro mudou de tática para lidar com seus ministros e auxiliares. 

Percebemos isso assim que o presidente neutralizou qualquer acordo com Rodrigo Maia sobre o "veto52".  -Graças a sua coragem, o veto foi mantido, mas, a informação foi dita apenas a auxiliares e ministros, porém, vazada.
"Segundo aliados, Bolsonaro tem testado ministros e assessores dos quais desconfia".
De tanto encherem o saco do presidente; -Bolsonaro resolveu convocar a sociedade em geral para o ato do dia 15. Ele esclareceu que o ato não é contra o Congresso ou o Judiciário, mas sim a favor do Brasil.

De ontem para hoje vazou a informação de que o presidente convocou a sociedade às ruas dia 15, para "dar um troco em Rodrigo Maia". (confira)

Táticas militares sempre funcionam. Os traíras já morderam a isca.


O capitão não é bobo não!

AGORA DEPENDEMOS DE VOCÊ PARA CONTINUARMOS NO AR


O jornalismo em que você confia, conservador, depende de você. Colabore com a independência do DENÚNCIA POLÍTICA doando qualquer valor; "Doar é uma pratica que requer desapego.

Quero doar 10:


Quero doar 20:


Quero doar 30:

DEIXE SUA OPINIÃO:

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem

Postagem Anterior Próxima Postagem

Anúncio

Anúncio

----

Anúncio




Anúncio