Publicidade
PT perdeu de novo! Augusto Aras, arquiva pedido de afastamento Jair Bolsonaro



Publicidade
--- ---






O Procurador Geral da República, Augusto Aras, já deu por certo o arquivamento do pedido de afastamento do presidente Jair messias Bolsonaro, protocolada pelo deputado federal, Reginaldo Lopes (PT).  

Para Augusto Aras, não há embasamento jurídico  que endosse a Notícia-Crime e o pedido de afastamento ou até mesmo uma possível perda de mandato do Presidente Jair Messias Bolsonaro, eleito democraticamente. 

Com a palavra, CNN Brasil, noticiou agora pouco;
"A tendência, porém, é de Aras não referende os pedidos por acreditar que faltam requisitos legais, mas também por não haver, segundo interlocutores, ambiente político para um eventual afastamento do presidente".


Como noticiamos mais cedo, atendendo um pedido de um deputado federal, do (PT), o ministro Marco Aurélio Mello, encaminhou na noite desta segunda-feira (30), pedido de afastamento do presidente Jair Bolsonaro, para a Procuradoria-Geral da República.

O deputado obteve 194.332 votos e foi eleito deputado federal por Minas Gerais no 1º turno das eleições de 2018. 

Segundo o Coreio Braziliense, o ministro Marco Aurélio Mello, temia a possível eleição de Jair Bolsonaro como presidente do Brasil. (confira)

A papelada foi pra lata do lixo!

O PT perdeu de novo!

Anúncio



AGORA DEPENDEMOS DE VOCÊ PARA CONTINUARMOS NO AR


O jornalismo em que você confia, conservador, depende de você. Colabore com a independência do JORNAL 21 BRASIL doando qualquer valor; "Doar é uma pratica que requer desapego.

Quero doar 10:


Quero doar 20:


Quero doar 30:



Basta clicar e se inscrever no canal, é simplis!

DEIXE SUA OPINIÃO:

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem

Naõ confie no Facebook. Compartilhe e alcance mais pessoas;



Anúncio
Postagem Anterior Próxima Postagem

Anúncio

Seja o primeiro a saber, click e participe do grupo, receba a próxima notícia no seu celular;




Anúncio Anúncio --------------------------------------



Anúncio Anúncio