Anúncio


Publicidade
Anúncio

Talvez você tenha perdido

Anúncio
Continuar depois da publicidade


ACABA OXIGÊNIO NA REDE PÚBLICA DE MANAUS E FAMILIARES DESESPERADOS COMPRA POR CONTA PRÓPRIA








 O presidente do Sindicato dos Médicos do Amazonas, Mario Vianna, defendeu, em entrevista a O Antagonista, uma intervenção federal na Saúde do estado, sob o comando das Forças Armadas.

“Chegamos ao fundo do poço, numa situação de guerra, numa situação em que os combates da Covid pouco podem fazer, porque não têm sequer o armamento que é o oxigênio. A prepotência, a irresponsabilidade e a incompetência levaram a isso. Profissionais estão no limite, esgotados e sofrendo ameaças do próprio governo. Somente uma intervenção federal, com a participação das Forças Armadas, que é quem sabe lidar com situações de guerra”, disse.

O QUE HÁ DE NOVO