Record em leitura

MPF pede condenação de Lula por triplex no Guarujá


sábado, 3 de junho de 2017



O ex-presidente Lula será julgado pelo juiz Sérgio Moro; MPF pede a condenação
O ex-presidente Lula será julgado pelo juiz Sérgio Moro; MPF pede a condenação

O Ministério Público Federal reforçou, nesta sexta-feira (3), o pedido de condenação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva pelos crimes de lavagem de dinheiro e corrupção passiva.  O processo se refere às investigações sobre a propriedade de um apartamento triplex no Guarujá.

O parecer dos procuradores consta nas alegações finais do processo que foi apresentado ao juiz Sérgio Moro, responsável pelo caso. Lula é acusado de ter recebido R$ 3,7 milhões de propina da empreiteira OAS. Os pagamentos teriam sido em reformas no apartamento no Guarujá, que pertenceria ao ex-presidente.

Além da condenação, o MFP pede que Lula seja condenado a pagar R$ 87.624.971,26 em multas. Segundo os procuradores, esse valor corresponde ao montante pago em propinas pela OAS nos contratos firmados com a Petrobras.

O MPF também recomendou a prisão dos outros réus do processo. O ex-presidente da construtura OAS, Léo Pinheiro, os ex-executivos da empresa Agenor Franklin Medeiros, Roberto Moreira Ferreira, Paulo Gordilho e Fábio Yonamine, além de Paulo Okamoto, presidente do Instituto Lula. A ex-primeira dama, Marisa Letícia, também respondia ao processo, mas teve seu nome retirado dos autos após sua morte, em fevereiro deste ano
As defesas de Lula e dos demais réus do processo tem até o dia 20 de junho para contestar os argumentos do MPF. Após essa data, está marcada a deliberação da sentença, que será dada pelo juiz Sérgio Moro.


Entenda a denúncia

De acordo com a denúncia apresentada pelo Ministério Público Federal (MPF), o ex-presidente teria sido beneficiado com propina de aproximadamente R$ 3,7 milhões, pagos pela construtora OAS. Parte do acordo teria sido quitado por meio da compra e reforma do tríplex no condomínio Solaris, no Guarujá, litoral de São Paulo.
A denúncia aponta ainda que a empreiteira OAS teria aceitado, como parte de acertos de propinas destinadas ao PT, entregar e reformar o imóvel – operações que, somadas, equivalem a mais de R$ 2,4 milhões. Além do episódio envolvendo o apartamento, a construtora também teria pagado, entre 2011 e 2016, as despesas referentes ao armazenamento de presentes que o petista recebeu durante seu período na Presidência da República.

O MPF estima que a empreiteira OAS chegou a pagar cerca de R$ 87,6 milhões em propinas para atuar nas obras das refinarias Abreu e Lima e Presidente Getúlio Vargas, da Petrobras. Deste valor, segundo os procuradores, mais de R$ 3,7 milhões seriam direcionados diretamente ao ex-presidente. A defesa de Lula nega todas as acusações.

  • ""DINHEIRO EM AÇÃO/ AGORA É SUA VEZ""




  • BOMBANDO NO GOOGLE


    Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

    as mais lidas da semana





     
    JORNAL 21 BRASIL.
    jornal do brasil, jornal 21, notícias de Bolsonaro, política do brasil, porque lula vai ser preso, Jornalismo livre, a tragetoria de Sergio Moro, notícias do brasil, notícias de Sergio Moro, notícias de lula, lula preso, lula na cadeia, operação lava-jato




  • ""CONHEÇA ""SOCIAL VIVA VIDA"" a mais nova Rede social da família""

  • ""JORNALISMO LIVRE""
  • ""JORNAL 21 BRASIL""

  • "Jornal 21 brasil fornece as últimas noticias e vídeos diretamente do mundo da indústria do entretenimento e da política. Contato: rosinaldolima53@gmail.com"

  • ""VISITE NOSSA RÁDIO/ VIVA VIDA FM""


  • ""O SEU JORNAL DIGITAL 24 HORAS POR DIA, 7 DIAS POR SEMANA. ""