Neste site tem: "Black Friday"







URGENTE: Tiririca Renuncia e em Discurso de despedida no Plenário da Câmara dá um tapa na cara dos congressistas!!!

Em: __Por: Rosinaldo Pereira

__ 12/06/2017




URGENTE: Tiririca Renuncia e em Discurso de despedida no Plenário da Câmara dá um tapa na cara dos congressistas!!!




URGENTE: Tiririca Renuncia e em Discurso

de despedida no Plenário da Câmara dá um tapa na cara dos congressistas!!!



----
O deputado Tiririca (PR-SP) fez nesta quarta (6) o primeiro e último discurso na Câmara. Ele anunciou que não concorrerá à reeleição.
Nunca antes ele tinha subido à tribuna para discursar, desde que assumiu em 2011.
Palhaço de profissão, o agora ex-parlamentar disse que “sempre” votou com os interesses do povo e que está “triste para caramba”.
O deputado também acrescentou: "É triste e o que vi nesses sete anos, saio totalmente com vergonha, não vou generalizar, não são todos, tem gente boa como em qualquer profissão."





PORQUE TIRIRICA NÃO FALOU QUEM É O SEU SUPLENTE?? entenda!



Agora voce vai entender porque colocaram o Tiririca e o Lula apoiou tanto. Aquela velha história, usa-se um ignorante para se atingir os objetivos. Porque o Tiririca não contou quem......leia mais



TRF-4 RECUA E INCLUI OAB EM AÇÃO SOBRE GRAMPO DA "LAVA JATO" EM ESCRITÓRIO



Depois de não reconhecer interesse jurídico da Ordem dos Advogados do Brasil em controvérsia sobre.......leia mais



Se você não divulgar, a Globo não divulga: Compartilhe em "grupos" e alcance mais pessoas:

Seguir no twitter;



"Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem"


O jornalismo em que você confia depende de você. Colabore com a Imprensa livre sem dinheiro público, doando qualquer valor. Acesse:









Pátria amada Brasil até morrer!
Grupo Público · 50.197 membros
Participar do grupo
Temos total liberdade de apoiarmos a direita encabeçada por Jair Bolsonaro e depois Sergio Moro. junte-se a nós.

Destaque do dia..

STF demora 63 anos para julgar processo e até advogados já morreram

No dia 31 de maio de 2019, depois de 63 anos,  o STF julgou o caso de Paulo Roberto Menezes que pedia para ser reconhecido como fil...

As mais lidas do dia