Ministro da Defesa É CONTRA pedido das Forças Armadas em Porto Alegre dia 24




Ministro da Defesa É CONTRA pedido das Forças Armadas em Porto Alegre dia 24


O ministro da Defesa, Raul Jungmann, disse à reportagem que não concorda com o emprego das Forças Armadas em Porto Alegre, como reforço à segurança da cidade, no dia 24 de janeiro, durante o julgamento do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Nesta quarta-feira, 3, o prefeito da capital gaúcha, Nelson Marchezan Júnior, do PSDB, solicitou apoio do Exército e da Força Nacional para o dia do julgamento como medida preventiva aos protestos que estão sendo organizados por militantes do PT.


De acordo com ISTOÉ publicado em 04.01.18 - 18h29  “Não cabe à Prefeitura de Porto Alegre solicitar o emprego de Forças Armadas. Somente ao governo do Estado, e se houver perda de controle, o que não é o caso”, declarou o ministro, acrescentando: “tampouco acho que haverá necessidade”.

Ele avaliou que “estão maximizando esta situação”. Jungmann avisou ainda que, será contra caso haja um novo pedido de emprego das tropas federais em Porto Alegre.







Compartilhe em "grupos" e alcance mais pessoas:

Seguir no twitter;






>> CLICK AQUI E VEJA, VEM AÍ A PAUTA EXPLOSIVA DO STF..

"A CORRUPÇÃO MATA NA FILA DO HOSPITAL"




Eis o que Dias Toffoli pensava sobre prisão em segunda instância (antes de Lula ser preso)

>

A esquerda já tentou nos calar, seja nossa vós, curta nossa página e receba diáriamente notícias do governo Bolsonaro. -Somos de #DIREITA

Pátria amada Brasil até morrer!
Grupo Público · 50.197 membros
Participar do grupo
Temos total liberdade de apoiarmos a direita encabeçada por Jair Bolsonaro e depois Sergio Moro. junte-se a nós.

Destaque do dia..

Gilmar Mendes, o inimigo da Lava Jato no Supremo, vai até o fim (ouça)

Por "Gazeta do povo" "Gilmar Mendes, o semblante do STF no julgamento da segunda instância.  O Supremo Tribunal Fede...


As mais lidas do dia..