Esposa de Eduardo Cunha, absolvida por Moro na lava-jato é condenada pelo TRF-4

Por; Rosinaldo Pereira /colunista

Esposa de Eduardo Cunha, absolvida por Moro na lava-jato é condenada pelo TRF-4



A 8ª Turma do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) condenou, nesta quarta-feira (18/7), a esposa do ex-deputado federal Eduardo Cunha, Cláudia Cruz, a 2 anos e 6 meses de reclusão pelo crime de evasão de divisas, no âmbito da Operação Lava Jato. Em primeira instância, Cláudia havia sido absolvida da acusação pelo juiz Sérgio Moro. Cabem ainda embargos contra a decisão.

Além da jornalista, também foi condenado o empresário português Idalécio de Castro, a 12 anos e 8 meses de reclusão pelos crimes de corrupção ativa e lavagem de dinheiro. No primeiro grau, ele havia sido inocentado. A Corte aumentou ainda a pena de João Augusto Rezende Henriques, apontado como operador do PMDB, de 7 para 16 anos e 3 meses de reclusão.

A decisão da 8ª Turma atende a recurso do Ministério Público Federal (MPF) contra a sentença de primeira instância. O julgamento do recurso teve início em maio, mas foi interrompido após pedido de vista do desembargador Victor Luiz dos Santos Laus.


Continue lendo....