Neste site tem: "Black Friday"







Bolsonaro já obrigou a Globo desmentir duas vezes ao "VIVO" o saudoso Roberto Marinho

Em: __Por: Rosinaldo Pereira

__ 8/29/2018




Bolsonaro já obrigou a Globo desmentir duas vezes ao "VIVO" o saudoso Roberto Marinho




Bolsonaro já obrigou a Globo desmentir duas vezes o saudoso Roberto Marinho





Tudo começou quando o deputado e candidato ao planalto Jair Messias Bolsonaro participou de sabatinas na TV.

Em uma das  sabatinas que o presidenciável participou foi na Globo News, e agora no maior tele Jornal do país, o "Jornal Nacional". 

Roberto Marinho é exaltado por Bolsonaro, eu  fico com Roberto Marinho disse o Capitão.

"Participamos da Revolução de 1964, identificados com os anseios nacionais de preservação das lnstituições democráticas, ameaçadas pela radicalização ideológica, greves, desordem social e corrupção generalizada".


Roberto Marinho foi um democrata ou um ditador?


Esta é a nota da Globo NewsÉ fato que Roberto Marinho e O Globo apoiaram a ditadura num editorial de 1984, assim como todos os grandes jornais com exceção do Última Hora. Aos que dirigiam o jornal na época, aquela pareceu ser a atitude certa, visando o bem do país. O que Bolsonaro esqueceu é que o Grupo Globo considerou o apoio um erro. O editorial diz ao fim, explicitamente, que o apoio foi um erro a luz da história, assim como foram equivocadas outras decisões editoriais no período que ocorreu esse desacerto original. A democracia é um valor absoluto, corre risco e só pode ser salva por si mesma. 


Nota do Jornal Nacional; Exatamente com ocorreu com Miriam Leitão na GloboNews, William Bonner leu, no fim do JN, uma nota sobre o apoio do Grupo Globo ao regime militar.

Segundo a Globo, “o candidato [Jair] Bolsonaro esqueceu-se de dizer” que O Globo publicou, em agosto de 2013, um editorial em que reconhecia que o endosso do grupo ao golpe de 1964 foi “um erro”.









Se você não divulgar, a Globo não divulga: Compartilhe em "grupos" e alcance mais pessoas:


Seguir; Aliança pelo Brasil

Seguir no twitter;




Uma página 100% de DIREITA. Você pode e tem voz.



"Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem"


O jornalismo em que você confia depende de você. Colabore com a Imprensa livre sem dinheiro público, doando qualquer valor. Acesse:








ALIANÇA PELO BRASIL: "Este é um momento histórico, onde a maioria silenciosa finalmente terá voz". Ajude o presidente, curta a Página


Pátria amada Brasil até morrer!
Grupo Público · 50.197 membros
Participar do grupo
Temos total liberdade de apoiarmos a direita encabeçada por Jair Bolsonaro e depois Sergio Moro. junte-se a nós.

Destaque do dia..

Em menos de 24 horas, redes sociais do novo partido de Bolsonaro se aproxima de 300 mil seguidores

Na noite da última terça-feira (12), o presidente da República, Jair Bolsonaro, anunciou sua saída do PSL após muitas divergências com ...

As mais lidas do dia