BOMBA! Partidos políticos se aliam afim de consumir fundo eleitoral "não há regras para que os partidos dividam os recursos"




Partidos políticos se aliam afim de consumir fundo eleitoral "não há regras para que os partidos dividam os recursos"




Como não há regras para que os partidos dividam os recursos dos fundos partidário e eleitoral, as siglas escolhem critérios próprios para distribuir o dinheiro entre seus candidatos.
 O PP, adotou a regra da ‘fidelidade’ para distribuir os recursos entre seus parlamentares, registra o Estadão.


A fidelidade, nesse caso, é medida pela votação do impeachment de Dilma Rousseff e as denúncias contra Michel Temer. O candidato que votou a favor do impeachment receberá 2,5% além do que teria direito. Quem votou contra o impedimento terá desconto de 15%.

Já quem votou pelo afastamento de Michel Temer do mandato no ano passado ganhará menos. E quem foi contra o prosseguimento da denúncia, receberá mais.


Cá pra nós! Isso é uma vergonha com o dinheiro público, recebe a coisa de acordo com o serviço prestado, assim é igual curral eleitoral. Acorda povo brasileiro.


Compartilhe e alcance mais pessoas:

Seguir no twitter;





>> CLICK AQUI E VEJA, VEM AÍ A PAUTA EXPLOSIVA DO STF..

"A CORRUPÇÃO MATA NA FILA DO HOSPITAL"




Eis o que Dias Toffoli pensava sobre prisão em segunda instância (antes de Lula ser preso)

>

Pátria amada Brasil até morrer!
Grupo Público · 50.197 membros
Participar do grupo
Temos total liberdade de apoiarmos a direita encabeçada por Jair Bolsonaro e depois Sergio Moro. junte-se a nós.

Destaque do dia..

Celso de Mello “sinaliza” que vai anular processo de Lula condenado pelo ex-juiz Sérgio Moro

Nos bastidores, a possibilidade de se alinhar a Gilmar e a Ricardo Lewandowski a favor do pedido do petista para derrubar a condenação ...


As mais lidas do dia..