BOMBA! Partidos políticos se aliam afim de consumir fundo eleitoral "não há regras para que os partidos dividam os recursos"

Por; Rosinaldo Pereira /colunista

Partidos políticos se aliam afim de consumir fundo eleitoral "não há regras para que os partidos dividam os recursos"




Como não há regras para que os partidos dividam os recursos dos fundos partidário e eleitoral, as siglas escolhem critérios próprios para distribuir o dinheiro entre seus candidatos.
 O PP, adotou a regra da ‘fidelidade’ para distribuir os recursos entre seus parlamentares, registra o Estadão.


A fidelidade, nesse caso, é medida pela votação do impeachment de Dilma Rousseff e as denúncias contra Michel Temer. O candidato que votou a favor do impeachment receberá 2,5% além do que teria direito. Quem votou contra o impedimento terá desconto de 15%.

Já quem votou pelo afastamento de Michel Temer do mandato no ano passado ganhará menos. E quem foi contra o prosseguimento da denúncia, receberá mais.


Cá pra nós! Isso é uma vergonha com o dinheiro público, recebe a coisa de acordo com o serviço prestado, assim é igual curral eleitoral. Acorda povo brasileiro.

Continue lendo....