Jesus




O presidiário no debate? - PT entra com mandado de segurança no TRF-4 para ter Lula no debate da Band


Por; Rosinaldo Pereira /colunista

quarta-feira, 8 de agosto de 2018


PT entra com mandado de segurança no TRF-4 para ter Lula no debate da Band





O PT entrou, na manhã desta quarta-feira (8), com um mandado de segurança no TRF-4 (Tribunal Regional Federal da 4ª Região) publica o UOL.


para que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) participe do primeiro debate entre presidenciáveis, o PT entrou, na manhã desta quarta-feira (8), com um mandado de segurança no TRF-4 (Tribunal Regional Federal da 4ª Região ) que será promovido pela TV Bandeirantes na próxima quinta-feira (9). 

Além da participação presencial no estúdio da emissora, em São Paulo, ou por videoconferência, o PT sugere a participação de Lula por "meio de vídeos previamente gravados no âmbito da Superintendência da Polícia Federal em Curitiba".

Lula está preso desde 7 de abril, cumprindo pena de 12 anos de prisão por condenação no processo do tríplex. Em função de ter sido responsabilizado pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro, Lula está inelegível, mas tentará reverter a situação no TSE (Tribunal Superior Eleitoral) a partir do registro da candidatura, em 15 de agosto.


Após a oficialização de Lula como candidato do PT ao Planalto, o partido já havia reforçado o pedido para a presença de Lula na última segunda-feira (6), mas ele foi negado horas depois pelo TRF-4 por decisão da juíza Bianca Georgia Cruz Arenhart, que substituía o relator da ação o desembargador João Pedro Gebran Neto.
A magistrada é o alvo do mandado de segurança. Para a defesa, a juíza produziu "uma decisão judicial que eles alegam ser ilegal e que fere direito líquido e certo do partido impetrante, da qual não há recurso com efeito suspensivo cabível, o que faz surgir o autorizativo legal para a impetração deste remédio constitucional". 



Um mandado de segurança é um recurso do Direito que busca combater eventuais violações referentes a uma decisão. 
No documento, assinado pelo ex-ministro Eugênio Aragão e outros advogados que defendem o PT na área eleitoral, a defesa pede que outro desembargador do TRF-4 analise o caso. A ação deverá ser respondida pela desembargadora Claudia Cristina Cristofani, da 4ª Seção do TRF-4. Não há prazo para que isso aconteça.







Black Friday vem aí... a Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

As mais lidas da semana

VOCÊ VIU?

 
JORNAL 21 BRASIL.
jornal do brasil, jornal 21, notícias de Bolsonaro, política do brasil, Jornalismo livre, a tragetoria de Sergio Moro, notícias do brasil, notícias de Sergio Moro, notícias de lula, lula preso, lula na cadeia, operação lava-jato
  • ""JORNALISMO LIVRE""



  • ""O SEU JORNAL DIGITAL 24 HORAS POR DIA, 7 DIAS POR SEMANA. ""