Bolsonaro recusa apoio do Centrão e fica com o povão

Por; Rosinaldo Pereira /colunista


Bolsonaro recusa apoio do Centrão



Jair Bolsonaro avisou que não quer integrantes do Centrão e de partidos que apoiaram outros presidenciáveis em seu palanque em um eventual segundo turno, revela a Crusoé.

O capitão está certo, o centrão e seus líderes negociaram a campanha de Alckmin visando o toma lá da cá. Com o apoio do grupo, o tucano conquistou 14min e 47seg a mais de tempo de TV, mas tão teve um bom resultado nas pesquisas de intenção de voto, sem contar que os programas eleitorais diários e as inserções na programação sempre teve um ataque direto a Bolsonaro, líder isolado em todas as pesquisas. O tempo de TV do "Centrão" fez o grupo ser alvo de disputa entre outras candidaturas antes da definição por Alckmin, mas não decolou. Bolsonaro tem apenas oito (8) segundos de propaganda eleitoral gratuita no rádio e na TV, mas sempre esteve no topo das pesquisas de intenção de voto.

Veja; Vídeo: Polícia invade comitê do PT para recolher propaganda ilegal de Lula



O presidenciável Jair Bolsonaro vive o seu melhor momento na disputa direta contra todos os seus opositores. Com a rejeição do Centão feita por Bolsonaro, o capitão pode continuar sendo o favorito ao planalto, as pesquisas dizem isso a toda hora, fazer aliança com o centão não é um bom negócio, é só olhar para as pesquisas. A campanha é ante-corrupção, continuar com o povão é a melhor escolha, o Brasil acordou!

  • Registre-se na Rede social da Família Brasileira, que apoia Bolsonaro e Sergio Moro NetsBook, ...é grátis! contribua com o brasil, o facebook já está nos boicotando.

  • Continue lendo....