Maduro diz que EUA vai invadir a Venezuela







Maduro denuncia que EUA articulou plano de golpe de Estado contra seu governo

Caracas, 9 dez 2018 (AFP) - O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, denunciou neste domingo que os Estados Unidos ativaram um plano para derrubá-lo com o apoio da Colômbia.

"Hoje está em andamento, e coordenado diretamente da Casa Branca, uma tentativa de perturbar a vida democrática da Venezuela" com "um golpe de Estado", disse Maduro após votar nas eleições de vereadores.



O líder socialista, que no passado denunciou supostos planos de Washington para derrubá-lo, anunciou que nos próximos dias oferecerá uma coletiva de imprensa para dar detalhes do suposto complô, por trás do qual ele disse que também está a vizinha Colômbia.

"Eu não sei se o New York Times e o Washington Post vão me ligar - para pegar o furo - porque eles têm dados muito precisos", acrescentou Maduro.



O presidente fez referência a uma reportagem publicada em setembro pelo The New York Times sobre reuniões entre autoridades americanas e militares venezuelanos em um plano abortado para derrubá-lo, uma matéria que, segundo Caracas, ofereceu "evidência grosseira" de atividades conspiratórias da administração de Donald Trump.



Maduro está pronto para iniciar um segundo mandato (2019-2025) em 10 de janeiro, depois de ser reeleito em uma votação que não foi reconhecida por Estados Unidos, União Europeia e vários países da América Latina.


Compartilhe e alcance mais pessoas:

Seguir no twitter;



"A CORRUPÇÃO MATA NA FILA DO HOSPITAL"





Pátria amada Brasil até morrer!
Grupo Público · 50.197 membros
Participar do grupo
Temos total liberdade de apoiarmos a direita encabeçada por Jair Bolsonaro e depois Sergio Moro. junte-se a nós.

Destaque do dia..

Celso de Mello “sinaliza” que vai anular processo de Lula condenado pelo ex-juiz Sérgio Moro

Nos bastidores, a possibilidade de se alinhar a Gilmar e a Ricardo Lewandowski a favor do pedido do petista para derrubar a condenação ...


As mais lidas do dia..