Espanha dá 8 dias para Maduro convocar eleições

Por; Rosinaldo Pereira /colunista


O socialista Pedro Sánchez, premiê da Espanha, deu a Nicolás Maduro um prazo de 8 dias para convocar “eleições livres e democráticas” na Venezuela.



“Não queremos remover o governo na Venezuela, queremos democracia e eleições livres e transparentes”, disse neste sábado.

Caso o ditador não convoque eleições, a Espanha reconhecerá Juan Guaidó como presidente interino.


Continue lendo....