Fernando Collor preso pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro






Em alegações finais, Raquel Dodge pediu hoje ao Supremo Tribunal Federal a aplicação das penas de prisão e perda de mandato ao senador Fernando Collor, pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro.

A PGR também pede a aplicação de multa e o pagamento de indenização por danos morais e materiais no total de R$ 59,9 milhões, o equivalente ao montante cobrado a título de propina.



Figuram ainda como réus na ação penal Pedro Paulo Bergamaschi e Luis Pereira Duarte de Amorim.

A denúncia narra que, entre 2010 e 2014, uma organização criminosa instalou-se nas diretorias da BR Distribuidora, subsidiária da Petrobras, com o propósito de praticar diversos crimes contra a administração pública, liderada pelo PTB – ao qual Collor era filiado.



Responsável pela indicação da cúpula da BR Distribuidora, Collor cometeu por 30 vezes o crime de corrupção passiva e por 369 o de lavagem de dinheiro – segundo a PGR.


Compartilhe e alcance mais pessoas:

Seguir no twitter;





>> CLICK AQUI E VEJA, VEM AÍ A PAUTA EXPLOSIVA DO STF..

"A CORRUPÇÃO MATA NA FILA DO HOSPITAL"




Eis o que Dias Toffoli pensava sobre prisão em segunda instância (antes de Lula ser preso)

>

Pátria amada Brasil até morrer!
Grupo Público · 50.197 membros
Participar do grupo
Temos total liberdade de apoiarmos a direita encabeçada por Jair Bolsonaro e depois Sergio Moro. junte-se a nós.

Destaque do dia..

Celso de Mello “sinaliza” que vai anular processo de Lula condenado pelo ex-juiz Sérgio Moro

Nos bastidores, a possibilidade de se alinhar a Gilmar e a Ricardo Lewandowski a favor do pedido do petista para derrubar a condenação ...


As mais lidas do dia..