Uma página a serviço do Brasil:

Presidente do STF, Dias Toffoli, desmoralizado em plenário do Supremo



"A desmoralização de Dias Toffoli"

Não resta alternativa ao plenário do Supremo Tribunal Federal (STF) senão suspender o malfadado inquérito da censura aberto por seu presidente, o ministro Dias Toffoli, absolutamente inconstitucional, sem qualquer lastro de legalidade.


O relator da ação que questiona o caso, ministro Edson Fachin, optou por levá-lo para votação em plenário e já requereu ao presidente que inclua o pedido de liminar na pauta de votações.
Não há dúvidas de que Toffoli será fragorosamente derrotado. Terá possivelmente somente o voto do parceiro de empreitada Alexandre de Moraes e, talvez, de Gilmar Mendes e Ricardo Lewandowski.


Veja agora antes que seja denunciado; BOMBA! Rodrigo Maia trabalha para levar a médio prazo Bolsonaro ao Impeachment não aprovando a MP 870

Sai do episódio completamente desmoralizado, devendo explicações para a sociedade e, pior, para a própria Justiça.


Compartilhe e alcance mais pessoas:

Seguir no twitter;



Deixe sua opinião, é muito importante:


Uma página de Direita, tudo sobre Moro e Bolsonaro. Diga não ao PT, curta essa página e fique por dentro de tudo:


Pátria amada Brasil até morrer!
Grupo Público · 3.214 membros
Participar do grupo
Temos total liberdade de apoiarmos a direita encabeçada por Jair Bolsonaro e depois Sergio Moro. junte-se a nós.









Notícias Relacionadas

  • Volte para capa e leia mais >>>>> Leia mais...

  • .Direto da Fonte, com Rosinaldo Pereira

    . Denúncia Política. -O lado oculto da política

    Em breve, podcasts de Jornal 21, click aqui e ouça :