VERGONHA; decisões do Supremo permitem investigados de ficarem calados nos interrogatórios de CPI



VERGONHA; decisões do Supremo permitem investigados de ficarem calados nos interrogatórios de CPI







Os integrantes das duas CPIs em andamento na Câmara estão indignados com tantas decisões do STF em favor de investigados.

Estimam que varia de 10 a 15 as decisões do tribunal que permitem investigados de ficarem calados nos interrogatórios nas duas CPIs em andamento na Câmara: do BNDES e de Brumadinho.


O relator da CPI do BNDES, Altineu Côrtes (PL-RJ), chegou a dizer dia desses que a ministra Cármem Lúcia foi enganada pelos argumentos de um desses alvos da comissão ao ser convencida a dar uma decisão que o protegeu.

Já o relator da CPI de Brumadinho, Júlio Delgado (PSB-MG), que se reuniu com Dias Toffoli ontem, disse ao ministro ser incoerente o tribunal defender agilidade nas decisões, mas travarem os trabalhos das investigações.



Compartilhe em "grupos" e alcance mais pessoas:

Seguir no twitter;




Entre em contato com o ministro Barroso #PEDEVISTABARROSO:

Entre em contato com o ministro Barroso #PEDEVISTABARROSO


>> CLICK AQUI E VEJA, VEM AÍ A PAUTA EXPLOSIVA DO STF..

"A CORRUPÇÃO MATA NA FILA DO HOSPITAL"




Eis o que Dias Toffoli pensava sobre prisão em segunda instância (antes de Lula ser preso)

>

A esquerda já tentou nos calar, seja nossa vós, curta nossa página e receba diáriamente notícias do governo Bolsonaro. -Somos de #DIREITA

Pátria amada Brasil até morrer!
Grupo Público · 50.197 membros
Participar do grupo
Temos total liberdade de apoiarmos a direita encabeçada por Jair Bolsonaro e depois Sergio Moro. junte-se a nós.

Destaque do dia..

Bolsonaro reage no silêncio; Eduardo Bolsonaro é oficializado novo líder do PSL na Câmara

Será que Bolsonaro reagiu no silêncio? Eduardo Bolsonaro acaba de ser confirmado como o novo líder do PSL na Câmara. O líder...


As mais lidas do dia..