Depois do firme discurso de Bolsonaro, Emmanuel Macron arregou geral "só quero ajudar, só isso"





Depois do firme discurso de Bolsonaro, Emmanuel Macron arregou geral "só quero ajudar, só isso"

Em: __Por: Rosinaldo Pereira

__ 9/24/2019


Emmanuel Macron disse que estava “na correria” e não ouviu o discurso de Jair Bolsonaro.

Mas disse o seguinte, quando confrontado com as afirmações do presidente brasileiro sobre a visão “colonialista” a respeito da preservação da Amazônia:




Eu acho que todos nós só queremos ajudar as pessoas da Amazônia. Temos muitas pessoas envolvidas no futuro da Amazônia e acho que o que queremos fazer é ajudar as pessoas, com completo respeito pela soberania, ajudando o povo. Não é questão de lobby ou interesse, os lobbies são para destruir a floresta para seus próprios interesses. O que nós queremos fazer é ajudar pessoas para elas mesmas e para o futuro da Amazônia, porque é um bem comum.

 Bolsonaro, mesmo sem citar o nome do presidente francês, Emmanuel Macron, disparou contra o líder europeu. “Um país, ao invés de ajudar, embarcou nas mentiras da mídia e se portou de forma


despropositada e colonialista”, atacou. “Um deles, por ocasião do encontro do G7 ousou sugerir sanções ao Brasil sem sequer nos ouvir". "Agradeço os que não aceitaram levar adiante essa absurda proposta”, afirmou. "Respeito a liberdade e soberania de cada um de nós".



Emmanuel Macron sentiu que Bolsonaro não está para brincadeira, arregou geral ! Macron, está totalmente desorientado.



Compartilhe em "grupos" e alcance mais pessoas:

Seguir no twitter;


"Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem"



Popularidade de Bolsonaro tem reflexos nas ruas do Japão (Veja o Vídeo)


Entre em contato com o ministro Barroso #PEDEVISTABARROSO:

Entre em contato com o ministro Barroso #PEDEVISTABARROSO


>> CLICK AQUI E VEJA, VEM AÍ A PAUTA EXPLOSIVA DO STF..



"A CORRUPÇÃO MATA NA FILA DO HOSPITAL"




Eis o que Dias Toffoli pensava sobre prisão em segunda instância (antes de Lula ser preso)

>

A esquerda já tentou nos calar, seja nossa vós, curta nossa página e receba diáriamente notícias do governo Bolsonaro. -Somos de #DIREITA

Pátria amada Brasil até morrer!
Grupo Público · 50.197 membros
Participar do grupo
Temos total liberdade de apoiarmos a direita encabeçada por Jair Bolsonaro e depois Sergio Moro. junte-se a nós.

Destaque do dia..

STF, vergonha Internacional: agência americana diz que a Suprema corte está "fora de controle" "uma vergonha"

A respeitada agência de notícias Bloomberg, publicou ontem (21) reportagem intitulada “Suprema Corte do Brasil está fora de controle”....


As mais lidas do dia..