Publicidade
Alexandre Garcia: "todo mundo está de olho nesse maldito fundo partidário que vem do nosso bolso" "do nosso suor"


"Se quiser manter partido vai buscar contribuição dos partidários"






O jornalista Alexandre Garcia, critica a bagunça que está acontecendo dentro do partido "PSL'", "todo mundo está de olho nesse maldito fundo partidário que vem do nosso bolso". 


Leia aqui trechos da matéria; 

"Que bagunça que está o PSL, partido o qual está filiado o presidente Jair Bolsonaro. Em uma gravação, feita em uma reunião do PSL, feita de bate boca, o líder do partido na Câmara, Delegado Waldir, de Goiás, chega a chamar duas vezes Bolsonaro de vagabundo e diz também que vai “implodir o presidente”. Depois ele deu algumas explicações que, claro, não valem.

A consequência de tudo isso, a gente vê, o PSL está rachado. Estão falando em unir o PSL com o Democratas para que a bancada tenha 80 deputados, porque todo mundo está de olho nesse maldito fundo partidário que vem do nosso bolso, do nosso trabalho, do nosso suor."

"Se quiser manter partido vai buscar contribuição dos partidários. Mas eles fizeram a lei, eles fazem a lei, nós os elegemos para que eles nos representem. Eu duvido que eles perguntaram a nós se gostaríamos que eles pegassem os nossos impostos para sustentar os partidos deles.

Os partidos que nós apoiamos, muitos de nós apoiamos determinados partidos e somos filiados. Eles que peguem dinheiro dos filiados ao invés de pegar dinheiro de todos os contribuintes.


Houve uma disputa de listas para tirar o deputado Waldir da liderança do partido e colocar o deputado Eduardo Bolsonaro como líder do partido na Câmara – Joice Hasselmann, ex-líder do Congresso, votou a favor desse Delegado Waldir.

Essa disputa foi para decisão na direção da Câmara, por enquanto o Delegado Waldir continua no cargo mesmo depois de falar que Bolsonaro é vagabundo. Vejam que confusão.

Tiraram Joice Hasselmann da liderança do Congresso, já que ela votou contra o presidente, e colocaram o deputado Eduardo Gomes, que foi eleito pelo Solidariedade e está no MDB. O líder do governo no Senado, Fernando Bezerra, também é MDB."

"Não é só o PSL que é governo, o MDB também é. A gente não tem uma clareza no governo. Neste primeiro ano está cheio de gente que ainda não pegou a rotina da política partidária e está a maior confusão."

Ouça mais um podcast de Alexandre Garcia por "Gazeta do povo"




Anúncio



AGORA DEPENDEMOS DE VOCÊ PARA CONTINUARMOS NO AR


O jornalismo em que você confia, conservador, depende de você. Colabore com a independência do JORNAL 21 BRASIL doando qualquer valor; "Doar é uma pratica que requer desapego.

Quero doar 10:


Quero doar 20:


Quero doar 30:

DEIXE SUA OPINIÃO:

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem

Naõ confie no Facebook. Compartilhe e alcance mais pessoas;



Anúncio
Postagem Anterior Próxima Postagem

Anúncio



Anúncio Anúncio
--------------------------------------