Bolsonaro fala de retorno as aulas presenciais, Mourão vê “certa hipocrisia” (vídeo)


Publicidade

 




O vice-presidente da República, Hamilton Mourão, vê “certa hipocrisia” da comunidade acadêmica na recusa em retomar as aulas em universidades federais.


Na quarta-feira 2, o Ministério da Educação (MEC) decretou que as aulas presenciais deverão retornar a partir de 4 de janeiro de 2021. Depois, recuou e, agora, deve abrir uma consulta pública para decidir sobre a questão.


“Isso é um assunto controverso, porque acho que até tem certa hipocrisia. As pessoas saem para a rua, vão para bares, restaurantes, mas não podem ir para aula”, criticou o vice-presidente.


Mourão garantiu que, “com boa vontade”, a retomada será possível.


“A mesma turma que não quer voltar para aula, vai para balada, vai para bar. Então, vamos ser coerentes nas coisas”, completou.


O MEC condiciona o retorno às aulas presenciais ao cumprimento de protocolos de biossegurança e prevê uso de ferramentas de tecnologia para complementar eventuais conteúdos que foram perdidos na pandemia.



Confira a fala do presidente; 



Publicidade

Anúncio