Anúncio


Publicidade
Anúncio

Talvez você tenha perdido

Anúncio
Continuar depois da publicidade


Ministro indicado por Bolsonaro decepciona, vota contra PGR, e a favor de Lula

 



O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Kassio Nunes Marques indicado ao Supremo por Jair Bolsonaro, votou contra o pedido da Procuradoria Geral da República (PGR) para manter o depoimento do ex-ministro da Casa Civil Antônio Palocci. 


Trata-se de um processo contra o ex-presidente Lula. Foi a primeira ação envolvendo o petista analisada pelo magistrado. 


O pedido foi analisado na Segunda Turma do STF, que é formada por cinco ministros. Gilmar Mendes e Ricardo Lewandowski também votaram pela exclusão do depoimento. Edson Fachin acolheu o pedido da PGR. O voto de Cármen Lúcia ainda não foi proferido, mas não altera a maioria já formada.

O QUE HÁ DE NOVO