STF manda soltar homem que tinha suas digitais em algumas notas dos R$ 51 milhões




STF manda soltar homem que tinha suas digitais em algumas notas dos R$ 51 milhões 



O ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal, acatou um pedido da defesa de Gustavo Ferraz e revogou a prisão domiciliar do ex-superindente da Defesa Civil de Salvador; Ferraz é apontado como operador do ex-ministro Geddel Vieira Lima no governo de ACM Neto (DEM); ele foi preso em 8 de setembro após a Polícia Federal encontrar vestígios de suas digitais em algumas notas dos R$ 51 milhões apreendidos em um apartamento de Salvador durante a operação Tesouro Perdido.




Ele foi preso em 8 de setembro após a Polícia Federal encontrar vestígios de suas digitais em algumas notas dos R$ 51 milhões apreendidos em um apartamento de Salvador durante a operação Tesouro Perdido. Ele estava em domiciliar desde o mês de outubro.



De acordo com o jornal O Estado de São Paulo, mesmo com a decisão de Fachin, expedida na sexta-feira (2), Ferraz ainda permanece em casa com sua tornozeleira porque nenhum dos órgãos notificados pelo ministro cumpriram o alvará de soltura.



Compartilhe em "grupos" e alcance mais pessoas:

Seguir no twitter;





>> CLICK AQUI E VEJA, VEM AÍ A PAUTA EXPLOSIVA DO STF..

"A CORRUPÇÃO MATA NA FILA DO HOSPITAL"




Eis o que Dias Toffoli pensava sobre prisão em segunda instância (antes de Lula ser preso)

>

Pátria amada Brasil até morrer!
Grupo Público · 50.197 membros
Participar do grupo
Temos total liberdade de apoiarmos a direita encabeçada por Jair Bolsonaro e depois Sergio Moro. junte-se a nós.

Destaque do dia..

Celso de Mello “sinaliza” que vai anular processo de Lula condenado pelo ex-juiz Sérgio Moro

Nos bastidores, a possibilidade de se alinhar a Gilmar e a Ricardo Lewandowski a favor do pedido do petista para derrubar a condenação ...


As mais lidas do dia..