Jair Bolsonaro não convida Nicolás Maduro e o presidente de Cuba Miguel Diáz-Camel para sua posse

Por; Rosinaldo Pereira /colunista



Jair Bolsonaro afirmou neste domingo, em rápida entrevista na Praia da Barra, que o ditador venezuelano Nicolás Maduro e o “presidente” de Cuba Miguel Diáz-Camel não serão convidados para a sua posse, publica o Estadão.



“Ele [Maduro] com certeza não vai receber [um convite para a posse]. Nem ele, nem o ditador que substituiu Fidel Castro. Fidel Castro, não, Raúl Castro.”



Ao ser questionado por jornalistas sobre as razões de não convidar os ditadores, o presidente eleito respondeu: “Porque é ditadura, não podemos admitir ditadura. O povo lá não tem liberdade.”

Continue lendo....