Neste site tem: "Black Friday"







Maduro recebeu orientações dos russos e do Irã para provocar o Brasil que é aliado dos EUA

Em: __Por: Rosinaldo Pereira

__ 12/21/2018




Maduro recebeu orientações dos russos e do Irã para provocar o Brasil que é aliado dos EUA







“Sim, Mourão, o golpe quem vai dar vai ser você, ouviu? Vou te esperar aqui com vários milhões de homens e mulheres, além de uma Força Armada Nacional disposta a defender a Constituição, a independência a qualquer custo. Te espero aqui, Mourão. Venha você mesmo. Te convido a vir você mesmo, Mourão”, disse Maduro.



O vice-presidente eleito disse em entrevista publicada pela “Folha de S.Paulo” em novembro que o regime de Maduro cairá por si mesmo e afirmou temer uma “guerra civil violenta” na Venezuela.



O general, que foi adido militar na embaixada brasileira em Caracas entre 2002 e 2004, descartou uma intervenção militar na Venezuela por considerar que “interferir em assuntos internos de outros países não faz parte da tradição diplomática do Brasil”.

Maduro disse “estar preparado” para a suposta intervenção e pediu para que o povo e as Forças Armadas da Venezuela se preparem para “vencer e garantir a paz do país”.



"O ditador pode ter recebido orientações dos russos e do Irã para provocar o Brasil que é aliados do EUA". -Isso faz sentido. Há uma semana, o presidente da Venezuela disse que o assessor de Segurança Nacional dos Estados Unidos, John Bolton, é quem comanda a estratégia para derrubá-lo, com apoio de Brasil e Colômbia.


O apoio ao ditador por parte da Russia, que usou a Venezuela como cobaia para entregar misseis ao Irã visando atacar os judeus, provocou um mal estar diplomático com os EUA, que nos últimos dias o presidente americano  Donald Trump subiu o tom e ganhou força de países aliados com a ideia de uma intervenção militar na Venezuela. 




Se você não divulgar, a Globo não divulga: Compartilhe em "grupos" e alcance mais pessoas:


Seguir; Aliança pelo Brasil

Seguir no twitter;




Uma página 100% de DIREITA. Você pode e tem voz.



"Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem"


O jornalismo em que você confia depende de você. Colabore com a Imprensa livre sem dinheiro público, doando qualquer valor. Acesse:








ALIANÇA PELO BRASIL: "Este é um momento histórico, onde a maioria silenciosa finalmente terá voz". Ajude o presidente, curta a Página


Pátria amada Brasil até morrer!
Grupo Público · 50.197 membros
Participar do grupo
Temos total liberdade de apoiarmos a direita encabeçada por Jair Bolsonaro e depois Sergio Moro. junte-se a nós.

Destaque do dia..

Em menos de 24 horas, redes sociais do novo partido de Bolsonaro se aproxima de 300 mil seguidores

Na noite da última terça-feira (12), o presidente da República, Jair Bolsonaro, anunciou sua saída do PSL após muitas divergências com ...

As mais lidas do dia