.





João Pedro Gebran acaba de confirmar que vota por manter a condenação de Lula –e de Marcelo Odebrecht– por corrupção passiva.

O desembargador João Pedro Gebran Neto votou nesta quarta-feira (27) contra a anulação da condenação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva no processo do sítio de Atibaia, no qual Lula foi condenado a mais de 12 anos de prisão em primeira instância.


O relator trata agora da sentença do petista por lavagem de dinheiro.

Continua; -João Pedro Gebran Neto está desmontando os argumentos da defesa de Lula em relação à reforma do sítio de Atibaia.

Segundo o desembargador do TRF-4, não há dúvida de que a obra foi realizada “a mando de Emílio [Odebrecht] e em benefício de Lula”.

“Na qualidade de presidente, [Lula] atuava em benefício do grupo econômico”, afirma Gebran.

Deixe sua opinião

todos os comentários é de inteira responsabilidade do leitor

Postagem Anterior Próxima Postagem