"Destaque do dia"


Assine o Abaixo assinado para retirada do especial de natal da Netflix, "Uma desfeita de Cristo"

Abaixo assinado chega a mais de 1,3 milhões, para a retirada do especial de natal da Netflix, uma vergonha! O Especial de Nat...




Major-brigadeiro alerta que desde a vitória de Bolsonaro, congressistas e Suprema Corte se uniram contra Bolsonaro para combater as mudanças exigidas pela sociedade

Em:
__ Dia e mês: 11.5.19




Major-brigadeiro alerta que desde a vitória de Bolsonaro, congressistas e Suprema Corte se uniram contra Bolsonaro para combater as mudanças exigidas pela sociedade






Há uma ‘sucuri de duas cabeças’ tentando engolir o presidente Jair Bolsonaro. Ela se enrosca entre o Supremo Tribunal Federal e o Congresso Nacional. E o povo e o governo ‘são reféns’ dessa cobra considerada ‘mais perigosa do que veneno de cascavel’.

O alerta é do major-brigadeiro Jaime Rodrigues Sanchez. Segundo ele, desde a vitória de Jair Bolsonaro nas urnas, congressistas e ministros da Suprema Corte se uniram numa cruzada para combater as mudanças exigidas pela sociedade. “A sucuri está serpenteando, tentando dar seu abraço letal no presidente”, acusa o militar da Aeronáutica.


Na opinião de Jaime Rodrigues Sanchez, o Congresso e o Supremo, ‘contrários à chama da moralização’ que o povo exige, agiram insidiosamente ainda durante as eleições, quando o agora presidente da República foi vítima de um atentado, levando uma facada que por pouco não lhe tirou a vida. “Foi a primeira e desesperada tentativa de matar o Mito”, diz o brigadeiro.

“Ao contrário (o atentado), aumentou-lhe o prestígio e a certeza de que o inimigo estava disposto a tudo para evitar a sua debacle. Frustrada a investida com arma branca, restaram-lhe as armas sujas que frequentemente usam: o boicote, as tramas de bastidores, as fofocas, as pautas-bomba, as liminares e toda sorte de atos deploráveis nos quais são especialistas”.


Já com o governo instalado, diz o militar, veio o “primeiro golpe baixo: a eleição de dois investigados pela outra cabeça da sucuri para exercer as presidências da Câmara e do Senado, que rapidamente mostraram a que vieram, votando matérias contra o governo na calada da noite, arquivando CPI contra o Judiciário e muitas outras manobras na contra-mão dos anseios da sociedade. Estava montado o circo e a sucuri começava a apertar o cerco”.

Jaime Rodrigues Sanchez, que se refere a Rodrigo Maia, presidente da Câmara, como ‘o amigo chileno’, diz que o deputado preparou o golpe ao nomear “um comunista e um socialista, respectivamente, para presidir e relatar na Comissão Especial o mérito da reforma da previdência, crucial para a retomada do crescimento do País; a aprovação do orçamento impositivo na calada da noite; e a retirada do COAF do comando do Ministro Sérgio Moro, privilegiando a corrupção”.


O brigadeiro continua o ataque, afirmando que “a outra cabeça da sucuri (o Supremo), além de diversas solturas de padrinhos, tirou da Lava-Jato a ação sobre os crimes de corrupção e lavagem de dinheiro” e não satisfeitos, “validaram as benesses de um indulto natalino obsceno concedido por um ex-presidente ladrão, ao final do seu mandato, reforçando a impunidade e aplicando golpe mortal à luta contra a corrupção sistêmica que assola o País, especialmente naqueles dois poderes”.

A eleição de Jair Bolsonaro, segundo a opinião de Jaime Rodrigues Sanchez, tirou o Brasil “da beira do despenhadeiro”. Porém, observa, “no momento em que conseguimos fazer meia-volta e começamos a nos afastar do precipício, parte do Legislativo e do Judiciário tenta nos encurralar e fazer retroceder em direção ao abismo”.


O brigadeiro enfatiza que, a persistir a situação, “seremos obrigados a escolher entre o bem da Nação e o mergulho na escuridão”. E conclui lembrando que “Moisés usou seu cajado divino para abrir a imensidão do mar ao seu povo. Nosso cajado não tem tal poder, mas aproxima-se o momento em que terá que ser usado, ou a sucuri nos esmagará e o vermelho que hoje colore artificialmente o Nordeste poderá vir a manchar profundamente as cores do nosso pavilhão”.









Jornalista, articulista político. O que me interessa é a verdade. Sou de "Direita" conservador, amo o meu país.

Se você não divulgar, a Globo não divulga: Compartilhe em "grupos" e alcance mais pessoas:






Inscreva-se no canal "PÁTRIA AMADA BRASIL"

Seguir; Aliança pelo Brasil



"NÃO DEIXE A VOZ DA DIREITA SILENCIAR" O jornalismo em que você confia depende de você. Colabore com o JORNAL 21 BRASIL, uma Imprensa livre e sem dinheiro público, doando qualquer valor. Obrigado de coração a todos vocês, Acesse:





Uma página 100% de DIREITA. Você pode e tem voz.



"Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem"






ALIANÇA PELO BRASIL: "Este é um momento histórico, onde a maioria silenciosa finalmente terá voz". Ajude o presidente, curta a Página


Canal, Pátria amada Brasil

Inscreva-se:

O garantista Gilmar Mendes perdeu!

Pátria amada Brasil até morrer!
Grupo Público · 50.197 membros
Participar do grupo
Temos total liberdade de apoiarmos a direita encabeçada por Jair Bolsonaro e depois Sergio Moro. junte-se a nós.




As mais lidas do dia