Anúncio
100% digtal
Publicidade

Anúncio

Talvez você tenha perdido

Continuar depois da publicidade

DESTAQUE DA SEMANA

Bolsonaro tem aprovação de 53% da população, mostra pesquisa

 A aprovação do governo do presidente Jair Bolsonaro é de 53,1% das pessoas consultadas na pesquisa realizada pelo Instituto Terra Brasil Pe...

Moro parte pra cima dos piratas; vocês não tem mais balas para me atacar






"Uma pancada, aos que usam sites piratas"


Atualizado; O subprocurador-geral da República Nívio de Freitas rebateu, no STJ, um pedido de Lula para anular a condenação do triplex sob alegação de parcialidade de Sergio Moro, com base nas supostas mensagens roubadas à Lava Jato.

Afirmou que, além de ilegais, nenhuma das mensagens demonstra concreto prejuízo ao réu.


Aos fatos;
O ministro da Justiça Sérgio Moro acaba reagiu a nova ‘bomba’ divulgada pelo pseudo jornalista Glenn Greenwald, utilizando para tanto a sua decrépita marionete, Reinaldo Azevedo.
O decadente jornalista através de seu programa na Rádio Band News FM revelou uma nova conversa entre o procurador Deltan Dallagnol e o ex-juiz Sérgio Moro.

Deltan pedia a liberação de R$ 38 mil para a produção de um vídeo contra a corrupção.


O dinheiro acabou não sendo liberado. Os motivos para a não liberação não são esclarecidos. A história é cortada por Azevedo, não permitindo ao público ver o desfecho do caso.
De qualquer forma, mais uma vez nada de ilegal foi demonstrado. Muito pelo contrário, fica latente o espírito patriótico dos integrantes da Lava Jato.
Moro reagiu nesta terça-feira (16), publicando o seguinte em seu Twitter:



Sou grande defensor da liberdade de imprensa, mas essa campanha contra a LavaJato e a favor da corrupção está beirando o ridículo. Continuem, mas convém um pouco de reflexão para não se desmoralizarem. Se houver algo sério e autêntico, publiquem por gentileza.”

-Sergio Moro não é bobo não, ele sabe que as munições acabaram, a mentira tem pernas curtas, não pode chegar muito longe. 

Ao meu ver, Sergio Moro já preparou o seu canhão.