Jesus








Moro condena ex-gerente da Petrobras que recebeu "bastão da propina" a 15 anos de prisão


Por; Rosinaldo Pereira /colunista

segunda-feira, 25 de setembro de 2017




Moro condena ex-gerente da Petrobras que recebeu "bastão da propina" a 15 anos de prisão


Moro condena ex-gerente da Petrobras que recebeu "bastão da propina" a 15 anos de prisão



O ex-gerente da Petrobras Roberto Gonçalves foi condenado a 15 anos e dois meses de prisão nesta segunda-feira (25) pelo juiz Sergio Moro, responsável por processos da Operação Lava Jato na Justiça Federal do Paraná. Moro sentenciou Gonçalves pelos crimes de corrupção passiva, lavagem de dinheiro e organização criminosa.

Segundo a sentença, Gonçalves recebeu propina total de R$ 12,8 milhões das construtoras Odebrecht e UTC relativas a contratos de consórcios dos quais as empresas faziam parte para obras no Comperj (Complexo Petroquímico do Estado do Rio de Janeiro), localizado na cidade de Itaboraí. Além disso, o ex-gerente foi condenado por lavar o dinheiro no exterior, por meio de contas secretas.

Gonçalves foi o sucessor de Pedro Barusco na gerência de Engenharia da Petrobras. Segundo a força-tarefa da Lava Jato no MPF-PR (Ministério Público Federal no Paraná), Barusco teria passado o "bastão da propina" para Gonçalves. 






Black Friday vem aí... Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

Últimas atualizações


VOCÊ VIU?

As mais lidas da semana

Bombando no Google

 
JORNAL 21 BRASIL.
jornal do brasil, jornal 21, notícias de Bolsonaro, política do brasil, Jornalismo livre, a tragetoria de Sergio Moro, notícias do brasil, notícias de Sergio Moro, notícias de lula, lula preso, lula na cadeia, operação lava-jato
  • ""JORNALISMO LIVRE""



  • ""O SEU JORNAL DIGITAL 24 HORAS POR DIA, 7 DIAS POR SEMANA. ""